18 de abr de 2008

Temperamentos Humanos - Capítulo 4

Mistérios Revelados

Temperamentos Humanos - Capítulo 4


É importante criar um ambiente no qual as pessoas
sintam que fazem uma diferença.
Não há como se sentir bem em relação ao que você está fazendo
sem acreditar que está fazendo uma diferença.


Fleumático - Fleuma significa ausência de emoções, significa que o indivíduo é colocado em movimento, nem com rapidez nem com facilidade mas de maneira persistente. Age segundo princípios, não por instinto. Cai na mecanização da vida ou até sucumbe na insensibilidade total. Pouco emotivo, o que diminui os efeitos dos estímulos exteriores. Projeta-se de preferência para um futuro muitas vezes bastante longínquo, que considera uma conseqüência dos fenômenos passados e presentes, segundo um determinismo quase mecânico. Disso resultam uma grande lucidez e um sentido aprofundado da análise, que não estão isentos de certa abstração mais ou menos minuciosa. Como os parâmetros humanos arriscam perturbar-lhes a construção intelectual, eles tendem a ignorá-los, conscientemente ou não, ou pelo menos a minimizar a sua importância e a afastá-los por princípio. Isso não os impede de ter algumas vezes visões proféticas quanto à evolução dos acontecimentos. Sua existência desenrola-se de maneira mais ou menos uniforme e são necessários acontecimentos verdadeiramente excepcionais para chegarem a ponto de romper com seus hábitos e com sua tranqüilidade interior.

CARACTERÍSTICAS


Tipo físico - Rechonchudo, pesado, mole, vagaroso, rosto, principalmente nas faces, tudo tender mais ao esférico e arredondado, amplas bochechas. Seu perfil revela uma atitude passiva, lenta, pesada, tranqüila e acomodada. Automatiza-se facilmente. Olhar morto, mãos pendentes e andar pesado e vagaroso.

Personalidade - Pessoas desse temperamento são mais calmas, tranqüilas, prudentes e autocontroladas. Gostam de rotina e atuam em conformidade com normas e regras estabelecidas. Decidem sem pressão e, freqüentemente com bom senso. São eficientes, flexíveis e seu caráter e ritmo são constantes e disciplinados. São pacientes, observadores, passivos, tem boa memória e uma inteligência lenta e penetrante, mas tem pouca imaginação. Tem respeito pelos princípios, objetivos, merecedores de confiança e ponderados. Em geral, possuem senso de humor muito aguçado. Pouco esforçado, tem gestos medidos. Seu julgamento é lento, mas com muito bom senso. Sangue frio e uma tenacidade, às vezes surpreendente frente à brutalidade dos coléricos, ao entusiasmo exagerado dos sangüíneos ou a exaltação dos melancólicos. Não se apavoram numa catástrofe. Difícil de ser influenciado. Suas ações desenrolam-se num ritmo contínuo, mesmo nos momentos difíceis. Se seus gestos são de preferência lentos, são também seguros e contidos, e ele termina seus trabalhos em um prazo que não deixa supor essa aparente lentidão. Preciso, pontual, capaz de um rendimento aceitável. É um autômato bem regulado que faz e desfaz sem se cansar, sempre com a mesma regularidade. Faz uma coisa de cada vez, é detalhista. Muito fiel às normas. Tem sensibilidade acentuada. Imune às paixões. Há o predomínio da preguiça, do relaxamento e da irresponsabilidade, por isso, embora seja ele um elemento estabilizador, precisa ser acompanhado de elementos mais ativos. Não tem energia para convencer, tem medo. Teme o perigo, os golpes, as violências, sempre que possível os evita. Não anda muito. Usa tudo que tem para não fazer nada: controle remoto, porta automática, etc. Curte as refeições, um bom cardápio com um bom papo.

Profissional - Gosta de atividades rotineiras. Muito observador, é perseverante e só usa a força necessária para realizar as suas tarefas, jamais extrapola os limites. Teme o desconhecido, mas sabe defender-se com tenacidade. Profissões recomendadas: enfermagem, medicina, odontologia, salvamentos (bombeiro), (educação, principalmente primária), arquitetura, engenharia, laboratórios, cientistas, arquivista, guarda, instrumentista, mecânico, ascensorista.
Para motivar - Marcar encontro sempre no restaurante. Devemos expor com provas tangíveis as vantagens e os benefícios práticos, a comodidade, a segurança social, a economia do esforço, a tranqüilidade, que o emprego pode lhe oferecer; em resumo: contar todas as vantagens materiais.

Criança - É tranqüila, inteligente, mas lenta em suas reações motoras e intelectuais. Como não consegue se expressar com rapidez, fecha-se. Tem dificuldades para superar os fracassos e por isso perde a motivação e os estímulos. Seus silêncios são obstinados. É acomodada, gulosa e adora comer, pois comendo acalma sua ansiedade. Como é receptiva pode ser bastante influenciável. Tem boa memória. Quanto mais indolente mais será levada pelos outros.




continua o assunto no próximo post Temperamentos Humanos - Capítulo 5

0 comentários:

Adhemar Ramos

Busca Bing
14/12/1942 - 04/02/2012
Até o seu último momento, formou livres pensadores ajudando no despertar de consciência da Obra do Eterno na Face da Terra "PAX". Estudioso de muitos anos sobre assuntos esotéricos. Membro da Sociedade Brasileira de Eubiose, instrutor e orientador nas escolas de iniciação eubiótica, divulgador de conhecimentos iniciáticos através de jornais, revistas, rádio, televisão e também através de palestras, cursos e workshop. Este conhecimento procurou divulgar através dos seus programas da Radio Mundial FM 95,7, onde abordava diversos temas esotéricos, deixando um legado de extremo valor.